Modular Mudanças

Como planejar a sua mudança sem dor de cabeça

Você sabe como planejar a sua mudança sem dor de cabeça? Você já se mudou? Neste artigo, você encontrará algumas dicas para planejar uma mudança de sucesso, então venha conferir!

Fazer um plano

Em todas as atividades, o planejamento é tudo. Em processo de mudança é importante planejar adequadamente todo o processo de realocação antes de se mudar para uma nova casa.

Procure fazer uma programação semanal em seu processo de mudança, pois as outras coisas que você verá neste artigo devem ser mencionadas em sua agenda, assim você evitará perder o controle da situação e garantirá que tudo o que acontece já está previsto e resolvido anteriormente.

Você pode agendar facilmente coisas como:

Faltam dois meses para fazer as alterações finais. Você pode listar as tarefas semanais da seguinte forma:

  • Faltam 8 semanas: orçamento com diferentes empresas de mudanças,
  • Faltam 6 semanas: contrata um serviço de mudança;
  • 4 semanas restantes: Adquirir suprimentos de mudança (caixas, fita adesiva, filme protetor etc.);
  • 2 semanas restantes: comece a embrulhar itens grandes e incomuns.

Jogar fora coisas inúteis

Com certeza você encontrará muitos itens que nunca usou na vida ou que não são usados há muito tempo, por isso é importante se livrar de tudo o que não é útil para você por causa de sua nova casa, nova vida.

Como planejar a sua mudança sem dor de cabeça

Você não precisa necessariamente “jogar fora” o que não usa mais, mas pode doar itens que não usa e que ainda estão em boas condições. Para que você não se arrependa. Recomendamos que você colete os itens que está descartando, ou seja, descarte-os primeiro. Em seguida, preste total atenção às suas alterações após o fato.

Leia também:  Melhores dicas para a hora da mudança

Caixa especial contendo itens frágeis

Para evitar danos, perdas ou quebras, é necessário rotular as caixas com itens frágeis ou quebráveis, como utensílios, aparatos eletrônicos e itens de vidro.

Além de marcar as caixas que contêm esses itens, você deve embalá-los com mais cuidado, usando jornal e plástico bolha para forrar cada item individualmente para reduzir o impacto se a caixa for amassada.

Lembre-se desta dica: subscrever todas as caixas observam as etiquetas que dizem o que há em cada caixa, como TVs, computadores etc., e você poderá identificar mais facilmente quais itens desembalar primeiro quando estiver em a nova propriedade.

Tente transportar itens frágeis com mais segurança.

Na hora de separar e marcar as caixas que contêm os elementos mais frágeis e as que quebraram com mais facilidade, elas devem ser expedidas de forma diferente de outros móveis que não exigem tanta atenção, ou seja, podem ser expedidas dentro de um caminhão, o objetos frágeis devem ser despachados em pequenas quantidades e com mais segurança, por exemplo, em um carro onde o risco de quebra é menor do que em um caminhão, onde o movimento é mais propenso a solavancos.

Separar documentos de objetos

Procurar não misturar objetos e documentos nas mesmas caixas, é importante deixar os documentos separados pois se forem perdidos na mudança você terá um grande problema, então deixe todos os tipos de documentos na mesma caixa, e não confunda junto com as demais caixas, deixe-as facilmente acessíveis, pois cada vez que for necessário utilizar um documento ele será facilmente identificado.

Verifique as regras de realocação para o seu novo imóvel

Propriedades em bairros abertos geralmente não têm muitas regras em relação ao tempo de mudança. No entanto, se você estiver prestes a se mudar para um apartamento ou condomínio, com certeza terá um tempo específico para fazer a mudança.

Leia também:  Dicas para facilitar a sua mudança

Informe-se e programe-se com antecedência na empresa de mudança para registrar a data e horário permitidos pelo condomínio ou apartamento, e se não for o caso é importante que, mesmo que não haja datas definidas, como em bairros abertos, evite dias úteis e de pico de tráfego.

Os finais de semana são altamente recomendados, principalmente se for na transição entre a tarde e a noite.

Cuidado com o transporte de animais de estimação

Se você tem animais de estimação, precisa ter cuidado ao transportá-los, o que significa que a segurança do animal de estimação é fundamental. Aconselhamo-lo, sempre que possível, a retirá-los do antigo imóvel antes da mudança e a transferi-los para o novo imóvel apenas quando tudo já estiver organizado.

Então, se esse for o seu caso, procure aprender formas de transladar os animais da forma mais segura possível.

Verifique as especificações elétricas para a nova propriedade

Antes de fazer sua mudança, é importante verificar a voltagem da instalação elétrica do novo imóvel, assim que começar a consertar os aparatos deve-se ter muito cuidado para não danificá-los conectando-os a uma tomada com corrente mais alta. tensão ou menos do que o necessário.

Se possível, defina cada propriedade de saída para uma tensão específica, 127 V ou 227 V, antes de fazer qualquer alteração.

Atualize seu endereço de correspondência

Lembre-se de transferir todos os seus endereços de contato importantes para o novo endereço. Isso ajudará você a evitar pagamentos atrasados, como taxas de cartão, etc.

Mesmo que você atualize o endereço de toda a correspondência, é importante que nos próximos 2 ou 3 meses você retorna ao antigo imóvel para saber se não há espera relacionada a isso, pois pode acontecer que alguém que não tenha seu novo address envia um documento privado para seu endereço antigo.

Leia também:  Dicas de como organizar uma mudança residencial

O que fazer 3 semanas antes de se mudar

  • Contrate a transportadora: lembrando do que comentamos anteriormente: uma empresa que tenha boas indicações e alusões;
  • Se você mora em um apartamento informe ao senhorio a data da sua mudança: é importante ficar atento às regras do condomínio. Como alguns quartos não podem ser modificados nos finais de semana e/ou após as 18h;
  • Alterar seu endereço postal onde quer que esteja registrado: por favor, faça isso com antecedência para evitar inconvenientes futuros;
  • Comece a separar o que realmente irá para a nova casa e o que você pode doar: você sabe o que economizou muito, mas não lembra mais? Bem, sim, este é um sinal de que você não precisa mais deles.

O que fazer 1 semana antes de se mudar

  • Ligar para telefone, internet e empresas relacionadas e solicitar que o serviço seja movido para um novo endereço: acredite, este é um processo demorado e se você fizer isso a tempo, você vai economizar muitas cefaleias de cabeça;
  • Separe as roupas que vai usar durante a semana e comece a vestir o resto: qualquer coisa que você possa colocar em uma caixa torna o dia mais fácil. Lembre-se também de que as roupas em cabides não precisam ser assistidas, pois os transportadores costumam ter caixas especiais para mover as coisas nos cabides o que facilita muito as coisas.

O que fazer antes de se mudar

  • Limpe, retire todos os alimentos e comece a descongelar a geladeira deixando-a pronta e desligada para o movimento;
  • Feche o sistema de gás e lembre-se que é proibido o transporte de botijões cheios, devido ao risco de explosão;
  • Mantenha documentos e objetos de valor com você, não permita que o correio os guarda pois a maioria das pessoas não recebe esses bens;
  • Entre na casa nova e faça uma limpeza fica muito mais fácil depois que todos os móveis estão na casa nova porque aí você só tem que limpar tudo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Saiba mais.